sexta-feira, 1 de dezembro de 2017

Chupacabra

...

Chupacabra




Encravado
escravo –

escravado;
escravação.

Estado
estaca.

Ideal morto-vivo – não reflete
(no espelho) – inver-
tido:
seu sangue suga-
m.


...

terça-feira, 14 de novembro de 2017

do campo para a sua mesa

...

do campo para a sua mesa


alísio no arrozal
calor
alívio

(não há rosas
muitos cumulus)

ar entre arrozes
assopre

...

quarta-feira, 8 de novembro de 2017

a ilusão do toque (revisto)

...

A ilusão do toque



Seres do repúdio,

só existimos  
porque átomos       
se recusam.   

Somente o que semeia
por um momento único
no ar (e quase não há,
e não jaz, jamais) é uno –

raio:

raiz fugaz

...








a ilusão do toque

...

A ilusão do toque



Seres do repúdio,

só existimos  
porque átomos       
se recusam.   

Somente o que semeia
por um momento único
no ar (e quase não há)
é uno –

raio:

raiz fugaz

...









quinta-feira, 5 de outubro de 2017

ultrimos 3 poemas, segundo livro

...

Amigos, bom dia. A quem interessar possa, seguem os links p os três poemas q encerram meu segundo livro (pronto e inédito). O poema "Na orla" já postei aqui; os outros dois, "Olho" e "Um pixo no abismo" (o + recente e radical dos três, creio) são inéditos. Espero q gostem:

Um pixo no abismo:


Oho:


Na orla:


...


domingo, 1 de outubro de 2017

Anima (revisto)

...




O lamento – são as sombras, longas –
dos canteiros de obras
ao entardecer
(as máquinas paradas
por falta de combustível
humano).

Cassini – seu mergulho silencioso,
soturno e suicida – nos anéis
de Saturno (pedido de casamento –
ou homicídio mútuo –
aceito).

O amanhecer na ponta
do quebra-mar na cidade de Santos:
romper fractal no prisma das nuvens.

Um avião se vai – a-
deuses em Congonhas.

Teseu, que para sempre
se perdeu no centro
(da cidade
ou) do labirinto
(de sol e sussurros
do capinzal da infância).

Mãe, seu escuro;
eu, íntimo do útero...

Tudo isso leio
na mandala loura – são as madeixas, longas –
dos seus cabelos
(que sempre terei
entremeados
aos dedos).

...

quinta-feira, 28 de setembro de 2017

Speculum veritatis ou Branca Liddel toma a pílula vermelha

...

Speculum veritatis ou Branca Liddel toma a pílula vermelha



E se pudéssemos ver
o outro lado do
espelho
espelho meu
existe alguém
mais bonito
do que eu?


...

speculum veritatis

...

speculum veritatis




E se pudéssemos ver
o outro lado do
espelho
espelho meu
existe alguém
mais bonito
do que eu?

...

terça-feira, 26 de setembro de 2017

A antibíblia

...

A antibíblia


O que Deus diz                      
não se escreve.           

Seu verbo,                  
os objetos.                  

Só o poeta con-
versa com
o divino,

pois só ele (quieto)
dá ouvidos ao si-
lê-
ncio e sabe
que o externo
faz o interno  
e (portanto, o)
vice-(uni)verso.

...








terça-feira, 19 de setembro de 2017

Paisagem noturna

...

O poema abaixo foi escrito p a Luana Leka. Espero q, de alguma forma, a ajude neste momento + q difícil. Chama-se "Paisagem noturna":


Paisagem noturna



Não saia da nossa vida
saindo da sua.
Não desista. Assuma
a responsabilidade da dor:                    
o sofrimento é o que torna a viagem       
algo mais que bruma – paisagem, e         
nenhum panorama jamais voltará           
a ser belo para aqueles ao seu lado          
se não estiver iluminado pelo astro                  
que jamais desiste e sempre renasce,
a alva Lua-
na.

...


segunda-feira, 18 de setembro de 2017

A biblioteca negra

...


A biblioteca negra



Livros são pesados.
Letras são negras
e absorvem a luz.
Bibliotecas são raras,
pouco visitadas
e repletas de livros –
aqueles, pesados,
cuja gravidade é
do tipo que não atrai –,     
livros que, por sua vez,      
são repletos de letras –      
aquelas que absorvem a luz
como buracos negros supermaciços
nos centros das galáxias
e na singularidade nua
no início dos tempos.

...

quarta-feira, 13 de setembro de 2017

Nuvens (quânticas)

...

Nuvens (quânticas)




Moviam-se velozes –
parando ao olhar
para revelar –
águas aéreas –
uma possibilidade
de paisagem

para a terra.


...

segunda-feira, 4 de setembro de 2017

Nós

...
Nós


Se ao menos
os nós dos seus dedos
prendessem nossas mãos
para sempre.

...

sexta-feira, 1 de setembro de 2017

8º mar

...


8º mar


Morrer afogado
(belas mãos-musa)
nas ondas-versos
(“todo verso / um suicídio / e um renascer / em signos”)
do 8º mar.

Death by water,
traduzo: “Morte por poesia”.


... 

sábado, 26 de agosto de 2017

100 palavras

...

100 palavras




ou entrada,
há, somente, a paisagem
adjacente.

Pontos de fuga no horizonte
pertencem à geometria;
à poesia da passagem
(imagem, mais valia)
interessa a geografia do sublime,
que detém a última
e nos deixa sem
palavras.


...





quinta-feira, 24 de agosto de 2017

Obs.:

...

Obs.:



Uma linda mulher é tudo
de que não precisamos
(por isso a amamos).

Assim como uma imagem
(a beleza é uma miragem):

Orvalho
sobre a paisagem
amanhecida (fria;
não existe na cidade):
açúcar (cristal)
refinado nas sombras
(da noite obs.
cura).

...
Related Posts with Thumbnails